Procon limita compra de álcool e máscaras nos estabelecimentos de Rondônia

Cada pessoa tem direito a comprar um litro de álcool 70% e uma caixa de máscaras. Medida é para evitar o desabastecimento dos produtos durante a pandemia do novo coronavírus.


Foto: Camila Lima/SVM



O Programa de Orientação, Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Rondônia anunciou nesta quinta-feira (19) que cada consumidor tem direito a comprar somente um litro de álcool 70% — gel ou líquido — e uma caixa de máscaras descartáveis.



A medida, segundo o órgão, é para evitar o desabastecimento desses produtos mediante o cenário de pandemia do novo coronavírus.


O Coordenador Estadual do Procon, Ihgor Rego, explicou que cada estabelecimento comercial deve se adequar a determinação e que o descumprimento pode "motivar a aplicação das sanções previstas na legislação".


"Também contamos com a consciência e boa fé dos consumidores. Que pensem no coletivo", disse Ihgor.


Na quarta-feira (18) a Delegacia de Defesa do Consumidor deflagrou uma operação para apurar denúncias de aumento sem justificativa no valor do álcool em gel e máscaras. A ação é conjunta entre Procon, Vigilância Sanitária e Instituto de Pesos e Medidas do Estado de Rondônia (IPEM-RO).



A delegada Noelle Xavier, que atua na operação, considera um absurdo alguns empresários se aproveitarem deste momento para faturar mais.


"É importante que haja uma conscientização de que todos os produtos essenciais, de primeira necessidade, tais como alimentos, gás de cozinha, produtos de higiene, limpeza, água mineral, combustíveis, estarão sendo fiscalizados", ponderou a delegada Noelle Caroline Xavier.


O número de casos suspeitos do novo coronavírus em Rondônia subiu para 61 na noite de quarta-feira (18), segundo o Ministério da Saúde. São 10 casos a mais do que havia sido divulgado no boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), durante a tarde de quarta-feira.


De acordo com o Ministério da Saúde, apenas dois casos foram descartados no estado. Não há casos positivos para Covid-19 em Rondônia.



FONTE: G1

Páginas

Notícias

Quem somos

Comunidade

Anuncie

© 2016 - 2020  Web Rádio Monte Sinai Gospel