Bolsonaro critica enredo da Mangueira com “releitura” de Jesus

Presidente viu desacato com religiões no desfile.


Jair Bolsonaro. (Foto: Marcos Corrêa / PR)


O presidente da República, Jair Bolsonaro, criticou a releitura que a Estação Primeira de Mangueira tentou fazer sobre a vida de Jesus Cristo no desfile de domingo (23) das escolas de samba do Rio de Janeiro.



Baseada da famigerada “Teologia da Libertação”, a Mangueira apresentou um Jesus militante, sendo mostrado como índio, mulher e morador de rua.


Na comissão de frente a escola ainda fez um ataque as forças de segurança, apresentando Jesus Cristo como um marginal que leva uma dura da polícia.


O samba-enredo da escola parafraseou o que vem sendo repetido por Bolsonaro, “A Verdade vos Fará Livre”, fazendo inclusive uma crítica direta ao presidente, quando diz que não tem “Messias de arma na mão”.



Bolsonaro comentou sobre o samba-enredo em live enquanto caminhava pela praia em Praia Grande, no litoral paulista.


“A ‘Folha de S.Paulo’, hoje, foi buscar uma imagem no carnaval do Rio, uma imagem de uma escola de samba desacatando as religiões, né? Cristo levando uma batida de policial. Faz uma vinculação comigo. Estão buscando uma imagem no Rio para me atingir”, declarou.


FONTE: Gospel Prime


Páginas

Notícias

Quem somos

Comunidade

Anuncie

© 2016 - 2020  Web Rádio Monte Sinai Gospel